Regras para o Ministério de Louvor da Igreja Presbiteriana Vila Alpes

Ministério de Louvor da Igreja Presbiteriana Vila Alpes

Supervisão Geral:  Rev. Edgard Casolli Neto

Representante no Conselho: Pb. Valdemir Escobal

Aleluia! Louvai a Deus no seu santuário; louvai-o no firmamento, obra do seu poder.  Louvai-o pelos seus poderosos feitos; louvai-o consoante a sua muita grandeza.  Louvai-o ao som da trombeta; louvai-o com saltério e com harpa.  Louvai-o com adufes e danças; louvai-o com instrumentos de cordas e com flautas.  Louvai-o com címbalos sonoros; louvai-o com címbalos retumbantes.  Todo ser que respira louve ao SENHOR. Aleluia! (Salmo 150)

O Conselho da IP Vila Alpes zela pelo bom andamento dos trabalhos da nossa comunidade, e especialmente as reuniões dominicais de louvor e adoração. Somos gratos a Deus pelos irmãos que tem recebido do Senhor dons nesta área e servido a Deus e a comunidade com seus dons e talentos musicais. Para que os mesmos continuem servindo com a bênção de Deus, em comunhão interna com o grupo e também continuem abençoando grandemente a comunidade, sabemos que mais importante que a capacidade técnica, é a unção e dependência do Espírito Santo de Deus na ministração do louvor. Para isso continuar ocorrendo em nossa igreja, é fundamental que todo o grupo continue em total sintonia com a liderança, caminhando em submissão ao Conselho e todos igualmente buscando a direção de Deus em todas as coisas.

Para isso, se faz necessário conhecer a visão ministerial do conselho da Igreja Presbiteriana e o que nos rege na ministração do louvor para glória de Deus e edificação da igreja. Assim, acreditamos que o verdadeiro louvor esteja fundamentado em pelo menos três valores:

Três pilares do ministério de Louvor da IP Vila Alpes:

  1. Dependência e Unção do Espírito Santo (Fruto de vida com Deus e oração, comunhão e harmonia interna do grupo, submissão e sintonia com a liderança da igreja)
  2. Submissão às verdades bíblicas (A letra e a mensagem de acordo com a Palavra de Deus, em sintonia com a mensagem pregada e coerente com a Confissão de Fé de nossa denominação IPB)
  3. Boa técnica e instrumentos (Adquiridos através de ensaio, muito treino e aperfeiçoamento do grupo, utilização de bons instrumentos e equipamentos de som)

Segundo a Constituição da IPB no Art. 31 são às funções privativas do ministro:

a)       Administrar os Sacramentos;

b)       Invocar a bênção Apostólica sobre o povo de Deus;

c)       Celebrar o casamento religioso com efeito civil;

d)      Orientar e supervisionar a liturgia na igreja de que é pastor;

Em nosso caso, o pastor trabalha em sintonia com o Conselho, buscando sempre consenso da liderança naquilo que é bíblico, edificante para o povo e glorifique a Deus. Sabemos que cada igreja tem seus costumes locais e litúrgicos e devemos respeitar as igrejas irmãs em suas diferenças, assim como temos também nossa visão para liturgia da IP Vila Alpes. Para que todos continuem sendo abençoados por Deus neste ministério, é importante ressaltar alguns princípios básicos que regem o louvor na IP Vila Alpes:

  1. Havendo a necessidade de mais pessoas no louvor, não convidar novos integrantes para o grupo de louvor (quer seja para tocar ou cantar) sem antes consultar e ter a autoriazação do Conselho;
  2. Não introduzir nenhum novo instrumento sem a autorização do Conselho;
  3. Estamos sempre abertos a novas músicas e letras, mas não introduzir nenhuma nova música sem passar antes pela avaliação do pastor, que é responsável pela liturgia e ensino na igreja, e a letra tem que ser autorizada pelo mesmo;
  4. Não introduzir nenhum novo costume litúrgico como danças, coreografias, palmas, etc.
  5. Todos devem estar decentemente vestidos de modo que não crie nenhum constrangimento na comunidade durante os cultos;
  6. Durante a ministração das músicas, não criar um culto dentro do culto, com muita leitura, comentários e pequenos sermões;
  7. Manter um número de música limitado por culto, dois a três cânticos, podendo ainda encerrar o culto com uma música em sintonia com a mensagem;
  8. Procurar sempre que possível músicas que estejam em sintonia com a mensagem e séries de mensagens da igreja;

Acreditamos que o louvor é para Deus e não para os homens, no entanto, é necessário que o povo seja conduzido em louvor e adoração a Deus. Rogamos a Deus que dê sempre ao Ministério de Louvor discernimento e direção do Espírito Santo, para que, em sintonia com a liderança da Igreja, possamos glorificar o nosso Deus em nossos cultos.

Atenciosamente,

Conselho da Igreja Presbiteriana Vila Alpes

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s